Notícias
Mateus Basso e Gustavo Roratto vencem as principais categorias no Rinaldi Gaúcho de Motocross em Ibirubá
Postado em 16/03/2015 às 15h58min por FGM

Em etapa eletrizante, marcada pelo alto nível nas disputas, Mateus Basso (Gentil) venceu e assumiu a liderança da categoria MX Pró e Gustavo Roratto (Santa Rosa) manteve a liderança na MX2 ao vencer a categoria MX2.


Foi um final de semana de fortes emoções na disputa da segunda etapa do Rinaldi Gaúcho de Motocross. Depois de um sábado marcado por grandes provas, o domingo comprovou porque a competição é considerada uma das mais competitivas do país.


Com um pista sempre em excelente competições para um bom desempenho dos pilotos o warm up foi acompanhado pelo público que começou a ocupar o seu espaço, em uma área arborizada com excelente sombra, excelente para ver de perto a elite do motocross gaúcho em ação.


Com uma alteração realizada na programação do domingo, a MXPró foi a primeira categoria a alinhar no gate. “Fizemos esta alteração para beneficiar os pilotos, com isso, eles poderão ter um bom intervalo entre as duas baterias. Todos se mostraram contentes com a alteração. Além disso a competitividade vai aumentar e deixar o espetáculo ainda melhor.” – comentou Paulo Della Flora, presidente da FGM, que ressaltou que a alteração não fooi exclusiva para a etapa de Ibirubá e sim para todas as etapas restantes da temporada.


Dentro da pista os pilotos fizeram um excelente trabalho. Além dos vitoriosos das duas principais categorias da competição o domingo teve outros destaques dentro da pista, como Marcos Cordeiro (Araranguá/SC) que mesmo sofrendo duas quedas na disputa da MX3, uma delas o deixou na última colocação, fez uma excelente prova de recuperação e saiu de Ibirubá com a segunda vitória na categoria e liderança do campeonato. Bruno Schimitz (Três Passos), também teve problemas no domingo ao ficar trancado no gate na largada da categoria Júnior, com um excelente ritmo de Bruno recuperou o prejuízo e venceu a prova mantendo a liderança no campeonato. Em busca do melhor ritmo, o interminável Douglas “Duda” Parise (Fagundes Varela), não teve uma boa largada na primeira bateria da MXPró e teve que forçar muito para recuperar posições marcando a melhor volta da prova. Na segunda bateria ele acompanhou os ponteiros e sofreu uma queda na décima quinta volta terminando na quarta colocação (mesma posição da primeira bateria e do resultado final).


A disputa das duas principais categorias, MX2 e MXPró foi um show a parte. Mateus Basso (Gentil), Gustavo Roratto (Santa Rosa), Gabriel Carbonera (Sananduva) deram um show à parte nas três provas (a MXPró é disputa em duas baterias). Mateus largou na frente nas duas baterias da MXPró, no entanto, na primeira bateria foi Roratto que levou a melhor, na segunda bateria Mateus não deu sop paara para o azar e enrolou o cabo vencendo de ponta a ponta.  Na MX2 foi a vez de Roratto não dar chance aos concorrentes, o piloto assumiu a ponta da prova e venceu de ponta a ponta, na MXPRó Roratto venceu a primeira bateria e terminou em terceiro a segunda. Mesmo ficando em segundo na MX2, Gabriel Carbonera, detonou os melhores tempos marcados nos treinos cronometrados cravando, com uma 250cc, o melhor tempo da pista (1:10.288), na MXPró Gabriel fechou na terceira colocação.


Confira os vencedores da segunda etapa do Rinaldi Gaúcho de Motocross em Ibirubá:


MXPró
1º - Mateus Basso (Gentil)
2º - Gustavo Roratto (Santa Rosa)
3º - Gabriel Carbonera (Sananduva)
4º - Douglas Parise (Fagundes Varela)
5º - Cale Florin (Cardona/Uruguai)


MX2
1º - Gustavo Roratto (Santa Rosa)
2º - Gabriel Carbonera (Sananduva)
3º - Mateus Basso (Gentil)
4º - Cássio Anacleto (São João do Sul)
5º - Leonardo Dambrós (Gentil)


MX3
1º - Marcos Cordeiro (Araranguá/SC)
2º - Maiara Basso (Mato Castelhano)
3º - Danny de Oliveira (Panambi)
4º - Cássio de Lima (Xanxerê/SC)
5º - Glaureci Lemos (Caxias do Sul)


MX4
1º - Danny de Oliveira (Panambi)
2º - Leandro Schwindt (Novo Hamburgo)
3º - Fabiano Ribeiro (Passo Fundo)
4º - Márcio Molz (Panambi)
5º - Glaureci Lemos (Caxias do Sul)


Intermediária MX1
1º - Cristiano Rasia (Três de Maio)
2º - Henrique Zottis (Passo Fundo)
3º - Alex Cavalca (Pinheiro Preto/SC)
4º - Leandro Schwindt (Novo Hamburgo)
5º - Maiara Basso (Mato Castelhano)


Intermediária MX2
1º - Vanderlei da Silva (Três Passos)
2º - Andrio Sebben (Farroupilha)
3º - Leonardo Dambrós (Gentil)


4º - Mateus Kunz (Machadinho)
5º - Rodrigo Galiotto (Flores da Cunha)


MX2 Júnior
1º - Gabriel Della Flora (Santa Rosa)
2º - Mateus Kunz (Machadinho)
3º - Bruno Schmitz (Três Passos)
4º - Maiara Basso (Mato Castelhano)
5º - Henrique Araújo (Passo Fundo)


Júnior
1º - Bruno Schmitz (Três Passos)
2º - Felipe Migliorini (Marau)
3º - Felippe Menuzzi (Dom Pedrito)
4º - Felipe Moraes (Marau)
5º - Gabriel Andrigo (Marau)


MXF
1º - Maiara Basso (Mato Castelhano)
2º - Janaina Todeschini (Chapecó/SC)
3º - Mayrêe Ribeiro (São Jerônimo)


230cc
1º - Leandro Folle (Montauri)
2º - Rodrigo Mallmann (S. Sebastião do Caí)
3º - Danny de Oliveira (Panambi)
4º - André Schiefelbein (Ibirubá)
5º - Rafael Pereira (S. Sebastião do Caí)


65cc
1º - Gabriel Andrigo (Marau)
2º - Pedro Oraes (Marau)
3º - Kauê Benatto (Veranópolis)
4º - Garmichel Giehl (Dois Irmãos)
5º - Felipe Tenedini (Porto Alegre)


50cc A
1º - Guilherme Moraes (Marau)
2º - Luis Augusto Moraes (Capivari do Sul)
3º - Matheus Kappel (Marau)


50cc B
1º - Rafael Becker (Itapiranga/SC)
2º - Garmichel Giehl (Dois Irmãos)
3º - Bruno da Cruz (Chapecó/SC)
4º - Guilherme Bresolin (Parobé)
5º - Santiago Leiria da Silva (Frederico Westphalem)


O campeonato Gaúcho de Motocross 2015 tem o patrocínio máster da RINALDI, IMS e apoio da MCR, Racing, Farover, Mormaii Knee Breace, Artemoto, Works Suspensões, Only Racing, CTLS - Centro de Treinamento Leandro Silva, Rádio Cross, MundoCross, Zunn Motorcycle e Jornal O Podium.


 Texto e fotos: André Charão/Assessoria de Comunicação FGM


 


 

Tags: mateus,basso,gustavo,roratto,vencem,principais,categorias,rinaldi,gaúcho,motocross,ibirubá,

* Provas que não estão na agenda não são autorizadas pela FGM.
* Pilotos não filiados não Pontuam em Campeonatos Regionais.
A 3ª ETAPA DO PRO TORK GAÚCHO DE MOTOCROSS E 3ª ETAPA DA COPA GRAMADO
TRILHA DO CARVÃO - Silvio Bilhar
TAPEJARA - Sulbrasileiro (Silvio Bilhar)
TAPEJARA - SUL Brasileiro e Pro Tork GAÚCHO DE MX (Angélica Laimer)
TAPEJARA-MX Sulbrasileiro Pro Tork (Tiago Wolff)
DONA FRANCISCA PRO TORK GAÚCHO DE VELOCROSS - 5a Etapa (Fotos Silvio Bilhar)
Facebook
Newsletter
Novidades em seu e-mail
(55) 9841-30187
(55) 9841-40187
(54) 3312-6508
presidente@fgm.com.br
Federação Gaúcha de Motociclismo - Todos os direitos reservados © 2019