Notícias
AVM de Vacaria inaugura pista e promove quarta etapa do Gaúcho de Motocross
Postado em 11/09/2017 às 11h29min por FGM
A 4ª etapa da Gaúcho de Moto...

A etapa que além ser a semifinal também inaugurava a pista da AVM (Associação Vacariense de Motocross) que nunca em sua história recente recebera uma etapa de Motocross. Entre os destaques da etapa, fica registrado o bom número de espectadores que ultrapassou as 6 mil pessoas. A AVM com seu presidente Ceará e todos seus colaboradores que foram incansáves na realização da etapa. A Câmera de Vereadores que aprovou em 100% o evento, na pessoa de seu presidente Aldo, outro incansável na realização do motocross, na recepção dos visitantes e em todos os detalhes do espetáculo. Também entre os destaques autoridades presentes no evento, o Prefeito Amadeo, que junto com suas secretarias não mediu esforço para a realização da etapa e já planejam ampliação do parque e a realização em 2018 de mais uma etapa de Motocross.


Veja como foram os duelos.


As disputas começaram com as categorias MX4 e MX5 andando juntas e classificando separadas. Na MX4 Everton Grilo venceu e colocou uma mão e uns dedos no título, visto que a próxima etapa em Fagundes Varela será a última da temporada. Fabiano Ribeiro e Rodrigo Gonçalves chegaram logo após.Na MX5, Heliar Schuch, O Kiko voltou a vencer a agora reassumiu a liderança e vai disputar o título com Timm Balla e outros concorrentes.




Na 55 cc A, que andou junto com a classe B, Teve a vitória de Eduardo Camargo,Já a classe B foi vencida por João Bertuoli e Guilherme Moraes em 2º.



Os duelos de domingo começaram com a MX2 que teve Mateus Basso largando na frente e ao final chegou em 2º após perder o duelo acirrada com Henrique Araújo, o 6º na largada mas que buscou recuperação. Leonardo Lizott foi 3º.


 



Na 65cc, Guilherme Bresolin fez o holeshot, com Henrique Henicka em 2º. Na 2ª volta,Guilherme entra no trilho errado na reta central, por pouco não cauí e Henrique aproveitou para na curva seguinte assumir a liderança. Henrique venceu a prova com Bresolin em 2º e Garmichel Giehl em 3º.


 



Em seguida entrou na pista a MX3 e teve na largada os principais possíveis campeões da temporada. Everton da Silva fez o holeshot, mas Maiara Basso que largou em 3º imprimiu um ritmo forte e assumiu a liderança na 3ª volta, para o delírio de mais de 6 mil espectadores na etapa. Mas o piloto Vanderlei da Silva, Chico Louco veio da 5ª colocação, buscou aos poucos, volta a volta,posições até na metade da disputa chegar na líder e ultrapassa-la. Chico Louco não pontua no estado e com isso Maiara somou 25 pontos. Vanderlei venceu a prova com Maiara em 2º e Everton em 3º.



As categorias Júnior e Nacional também andaram juntas com classificação separadas. O  Duelo inicial como está sendo desde a 1ª etapa entre Pedro Magero e Bruno Schimitz. Com mais uma vitória de Bruno, a 4ª no campeonato. Pedro Magero foi 2º e Henrique Henicka em 3º.


 



Na Nacional, Cássio Anacleto venceu mais uma e com isso colocou a mão no título. Danny Oliveira foi 2º e Fabrício Zamboni em 3º. Festa também para os pilotos da casa Adão Varella (4º colocado) e Pietro Panassol.



 


A MX Pró teve Lucas Basso fazendo a curva um em 1º. Na curva dois Vanderlei da Silva aparece na frente, mas erra na 2ª volta caído de produção. Na frente, Mateus Basso e Leonardo Lizott com Henrique Araújo no duelo da categoria. Henrique apertava, mas Mateus fechava a porta. Mateus Basso venceu a etapa com Henrique Araújo que ultrapassou Lizott na 5ª volta. Lizott também perdeu a 3º posição para Leonardo Limberg.



 


Por sua vez a Intermediária MX2 teve Leonardo Sebben largando na ponta com Bruno Schimtz em 2º e Leonardo Menegat em 3º. Sebben venceu de ponta a ponta seguido de Maiara Basso, que largou em 4º. Bruno foi 3º.


 



A corrida final foi a intermediária MX1 que teve Leonardo Sebben largando na frente, com Luan Dalmas em 2º e Michel de Lima em 3º, que errou mais tarde. O líder Rodrigo Galiotto caiu na curva dois e fez prova de recuperação. Assim como o catarinense Renan Coldebella que na metade da prova, após o tombo do líder, chegou a liderança. Luan ficava em 2º e duelou com Galiotto. Os dois fizeram as voltas finais sem diferença no cronômetro. Galiotto chegou em 2º atrás de Renan e Luan foi 3º.



 


A promoção foi da AVM, Associação Vacariense de Motocross, com a Realização da Federação Gaúcha de Motociclismo, Apoio da Prefeitura Municipal de Vacaria e Câmara Municipal, com destaque aos apoiadores locais: Moinho Vacaria, Farpisos e Concretos, Araldi Multimarcas, Ceará Móveis Planejados e Sob Medida e HONDA - Covibrás Motos.


Patrocinío: Borilli Racing, Biker Acessórios, Foco Racing, IMS Race Wear, Works Suspension, MundoCross, Mx Moto Graphics, Jornal O Podium, Revista Potência Máxima, GDez Comunicação Visual, Tardin Confecções.


Texto e Fotos Sílvio Bilhar


 

Tags: Motocross,Gaúcho,Vacaria,Inauguração,AVM.,
Veja mais fotos:
Aconteceu em Vacaria- RS a 4 Etapa do Gaúcho de Motocross,
Assessoria da agenciapassos.com
54 3311 9389
Trabalhamos com Marketing Rural
TUPANCIRETÃ/RS - 5a Etapa do Gaúcho de Velocross 2017 (Fotos Carolina Genro)
VACARIA/RS - 4a Etapa do Gaúcho de Motocross 2017 (Fotos Tiago Racer Cross)
VACARIA/RS - 4a Etapa do Gaúcho de Motocross 2017 (Fotos Silvio Bilhar)
SERAFINA CORREA - 3a Etapa do Gaúcho de MX 2017 (Fotos Silvio Bilhar)
TAPEJARA - Gaúcho e Brasileiro de Velocross 2017 (Fotos Tiago Racecross)
Facebook
Newsletter
Novidades em seu e-mail
(55) 9841-30187
(55) 9841-40187
(54) 3312-6508
presidente@fgm.com.br
Federação Gaúcha de Motociclismo - Todos os direitos reservados © 2017